Beleza Pop e Art

Marcella Maia, atriz que estrelou "Mulher Maravilha", é brasileira, mulher transexual e levanta bandeira

Por NLUCON

Uma notícia vai deixar os fãs do filme Mulher Maravilha ainda mais empolgados. Uma das amazonas que aparecem no longa da Warner que foi sucesso de bilheteria em 2017 é uma atriz brasileira, mineira e mulher transexual. É Marcela Maia, de 25 anos.

A atriz aparece em algumas das várias cenas em que a protagonista Gal Gadot está na Ilha de Themyscira. A fotografia bela e marcante de Marcela, que já estrelou diversas revistas internacionais como a Vogue Itália, Harper’s Bazzaar e Posh Milão, motivou o convite para participar da obra.

Sobre os bastidores do filme, ela contou à Vogue: “A Gal é uma das pessoas mais profissionais que já conheci e com um carisma incrível, além de linda. Foi uma experiência muito boa, o set era leve. Eu me identifiquei muito com a Doutzen Kroes também. Tudo aquilo era surreal”.

No Mês da Visibilidade Trans, Marcela foi entrevistada pelo Estilo/UOL e declara que passou por um longo processo até se aceitar enquanto mulher transexual. Ela afirma que passou pela redesignação genital em 2012 na Tailândia e que lutava até então para não ter a característica trans exposta na mídia.

“Tinha preconceito comigo mesma, não me aceitava e temia perder oportunidades de trabalho. E por ter passado por várias sessões de exorcismo durante a adolescência, acabei me bloqueando”, conta, ressaltando que aos 14 anos se viu diante de uma roda com pessoas tentando tirar o “demônio” do seu corpo.


Ela começou a carreira como olheira da Mega Model, antes de passar pelo chamado “processo transexualizador”. Conta que sofria muito preconceito por ser lida como um “menino muito afeminado”. Após a transgenitalização e mudança nos documentos, Marcela foi para Istambul na Turquia para trabalhar como modelo. Depois, foi para Ásia, Europa, EUA. “Eu tive medo de contar que era transexual e estragar o que estava conquistando”.

Foi após assistir a repercussão do assassinato da travesti Dandara dos Santos no Ceará em 2017, que ela viu que era seu “dever levantar a bandeira da transexualidade”. “Quantas meninas não passam por repressões e custam a acreditar que a história delas pode ter outro sentido na vida, como a minha teve? Querendo ou não, minha trajetória pode inspirar muitas trans, para elas verem que apesar do preconceito e das poucas oportunidades, a gente pode sim dar certo”, diz.

A atriz defende até que deveria ter revelado ao mundo que é uma mulher transexual há mais tempo. “Quando você se assume para o mundo, os outros param de querer te atingir. As pessoas passam a te tratar com naturalidade, como tem que ser”.

Marcela tem muito mais a oferecer em termos de trabalho artístico que a participação em Mulher Maravilha. Ela já estudou dramaturgia nas escolas New York Film Academy e Action School de Londres. E atualmente realiza cursos de artes cênicas, em São Paulo. “Juntei dinheiro, estou estudante e quero ser reconhecida pelo meu trabalho, trabalho. Quero ter papéis que não sejam estereotipados”, disse.

O próximo trabalho confirmado é o filme “Todos Nos 5 Milhões”, dirigido por Alexandre Mortágua. No filme, ela vai interpretar a modelo cis Cristina Mortágua. Já sobre a sequência de Mulher-Maravilha, ela disse à Vogue: “Vocês sabem como funciona, trabalhos como esses são extremamente confidenciais, mas confesso que adoraria. Uma participação maior seria bem vinda, sim”. 

A gente está na torcida!

Foto: Ivan Genasi, Stylist: Ivan Rasic, Hair stylist: Mimmo Di Maggio, Make up:
 Ivona Milosevic, Videomaker: Tom Carvalho
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.