Mãe homenageia as duas filhas transexuais com tatuagem de arco-íris e a frase “Amor é Amor”, em MG

tatuagem mãe transexual
Maria Mendes, de 52 anos, resolveu surpreender e homenagear as filhas – duas mulheres transexuais. Pela primeira vez, ela fez uma tatuagem e deixou registrado em seu braço as cores do arco-íris (símbolo de bandeira LGBT), um coração e a frase “Love Is Love” (Amor é Amor, em português).

Rafaella Mendez, de 25 anos, comentou nas redes sociais a homenagem e declarou que foi o melhor presente que ela e a irmã, Fernanda, que também é mulher transexual, poderiam ganhar. Maria ainda tem Bruna, que é uma mulher cis, e vive em Paraopeba, Minas Gerais.

“Nossa mãe sempre nos apoiou. Sempre esteve do nosso lado e sempre nos disse que amor é amor acima de qualquer coisa. Que a nossa felicidade é o que importa. E hoje, não somente para mim e minha irmã, mas para todas as pessoas LGBT+, ela fez essa linda tatuagem. Provando mais uma vez que o amor é amor acima de tudo. Acima de todos”, escreveu.

Rafaella contou que foi a primeira vez que a mãe fez uma tatuagem e que entrou em um estúdio de tatuagem. “Ela aguentou firme, sem reclamar de dor. Assim como fez, e faz todas as vezes que as pessoas apontam o dedo para mim irmã e eu. Assim como ela sempre ouve palavras maldosas e as engole. Assim como ela sempre vê olhares tores e disfarça”, continuou.

A mãe declarou ao jornal O Globo que percebeu que a filha, que foi designada homem ao nascer, se identificava com o feminino desde criança. Disse ainda que a transição foi muito natural. “É amor e pronto. Eu falei para minhas filhas: ‘Se vocês vão ficar felizes, eu vou ficar também’. Há muitas mães e muitos pais com preconceito com os próprios filhos. Esse é o pior preconceito, aquele que ocorre dentro de casa”.

Rafaella diz que o apoio da mãe foi fundamental em sua transição de gênero e declarou que a mãe tem amigos da comunidade LGBT e que ainda ajuda a causa animal. “Sou muito abençoada de ter a mãe que tenho. Essa tatuagem foi o melhor presente que poderia nos dar. Foi incrível”, declarou.

Que a homenagem e a relação de Maria e suas filhas inspirem muitas famílias. E que o abandono, expulsão e desavenças, tão comuns em muitos lares com filhos e filhas trans, deem cada vez mais espaço para o acolhimento, respeito e apoio.

xtatuagem.png.pagespeed.ic.I0WdglrwNJ

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.