Entrevista Pop e Art Uncategorized

Mateus Solano revela maratonar RuPaul’s Drag Race e se inspirar em drags para nova personagem

Mateus Solano2
Mateus Solano e a personagem Lady Enid (foto: Priscila Prade)

Mateus Solano revela ao NLUCON que atualmente se inspira nas drag queens e que maratona RuPaul’s Drag Race, o famoso reality show comandado por RuPaul. Tudo por conta de suas personagens na terceira montagem do espetáculo “O Mistério de Irma Vap”, clássico escrito pelo norte-americano de Charles Ludlam (1943-1987), que estreia no dia 12 de abril no Teatro Porto Seguro, em São Paulo.

O espetáculo é um besteirol que mistura terror com comédia e que fez sucesso no Brasil, principalmente na primeira montagem nos anos 80 e 90, com Ney Latorraca e Marco Nanini vivendo personagens homens e mulheres e dirigidos por Marília Pêra (1943-2015). Agora, ele é adaptado e dirigido por Jorge Farjalla e conta Solano e Luis Miranda como protagonistas.

“Estou assistindo temporadas e temporadas (de RuPaul’s Drag Race)… Estou na sexta”, contou. “Adoro, acho delicioso. Eu sempre quis fazer um personagem feminino, mas não adianta: com esse tamanho e com essa voz, acabo virando uma drag. A Lady Enid tem todo esse lugar. É uma ex-atriz de teatro, então traz o glamour, as poses, a mão. A referência é todo esse misancene (jogo de cena)”, declarou.

Na peça, Lady Enid (Solano) é a protagonista que enfrenta a divertidíssima e aterrorizante saga de ser assombrada por Irma Vap, a ex-mulher do seu atual marido, Lord Edgard (Miranda). Ela também se depara com outras personagens, bem como uma misteriosa governanta que se torna sua inimiga por defender a ex-patroa. Enquanto no texto original tudo se passa em uma mansão, o novo espetáculo leva as personagens para um trem fantasma de um parque de diversões – o que reforça a estética dos anos 80 e filmes de terror como Rebecca, de Alfred Hitchcock e Pague para Entrar, Reze Para Sair, de Tobe Hooper.

Aliás, são várias as modificações da peça original para a atual. A começar pelas trocas de roupas, que antes eram feitas nos bastidores e que surpreendia pela rapidez, mas que agora será feita aos olhos do público. “(Essa troca de roupas) é revelada, mas não é só isso. Outras convenções teatrais são colocadas como convenções. Às vezes eu estou de Ednid e o Luis está de Edgar e eu falo: “Pô, Luis, exagerou”. E daí a gente volta… Sempre quebrando e mostrando que são dois atores, se vestindo e fazendo através desses dois personagens”. Há também mais quatro atores em cena: Fagundes Emanuel, Greco Trevisan, Kauan Scaldelai e Thomas Marcondes.

Mateus revela que a mítica da peça, os envolvidos no processo e a possibilidade de falar sobre temas atuais dentro do espetáculo foram um dos motivos que o fizeram aceitar o convite. “Apesar de ser um besteirol e eu achar que o teatro tem uma função muito importante em momentos sombrios em que estamos vivemos, de fazer refletir e de trazer questões sérias, eles logo me convenceram. Primeiro pela importância e aura mítica da peça. Mas também pelo compromisso do Farjalla de montar o espetáculo hoje, em 2019, no Brasil, e trazer algumas questões que estão movimentando a nossa sociedade para a cena”.

Mateus promete muitos risos e alguns sustos, como você pode conferir no final do vídeo abaixo: 

SERVIÇO: O quê: O Mistério de Irma Vap Quando: De 12/4 a 16/6, sextas, às 21h; sábados, às 18h e 21h; domingos, às 16h e 19h Onde: Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos, São Paulo, fone: 11- 3226.7300)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.