Chella Man será o primeiro homem trans e surdo a viver super-herói da DC em série

titans2
O ator Chella Man se prepara para fazer história no universo dos super-heróis. Ele será o primeiro homem trans e pessoa surda a viver um papel de super-herói em uma produção da DC: a série Titans, que poderá ser assistida nos Estados Unidos pela Warner Bros e no mundo pela Netflix.

Aos 20 anos, ele vai dar vida a Joseph Wilson, ou Jericho, um herói que teve as cordas vocais cortadas por assassinos e que usa a língua de sinais. Por meio do contato visual, ele é capaz de possuir e controlar corpos de outras pessoas.

Foi o próprio ator que anunciou a novidade nas redes sociais e ressaltou a importância da representatividade. “Como pessoa trans, surdo, judeu e de cor, sempre me lembrei do poder em minhas diferenças. É um sonho que se tornou realidade. Agora poderei mostrar este poder aos Titãs. Não posso esperar que todos vejam”, declarou.

Antes deste trabalho, Chella era conhecido como youtuber, cujo canal abordava temas ligados à transgeneridade e reunia mais de 170 mil inscritos. Ele também trabalhava como modelo, tendo sido contratado pela IMG para também falar publicamente sobre questões ligadas à gênero, identidade, raça e deficiência. Sua presença vem sendo comemorada, dado o ineditismo e importância de sua representatividade.

A equipe de Titans conta ainda com Superboy (Joshua Orpin), Slade Wiilson / Exterminador (Esai Morales), Rose Wilson / Ravager (Chelsea Zhang). A direção e produção é de Greg Berlanti, do filme “Love, Simon”. A previsão de estreia, que antes foi anunciada em 2020, deve ocorrer ainda neste ano, sem data definida.

Confira outras fotos: 

Este slideshow necessita de JavaScript.


Acredita que o jornalismo é uma importante ferramenta contra o preconceito?

Apoie o site independente NLUCON e contribua com o financiamento coletivo para quitar os gastos com a produção de notícias, entrevistas e vídeos. Sua colaboração é fundamental para a existência deste site. Clique aqui.

Um comentário sobre “Chella Man será o primeiro homem trans e surdo a viver super-herói da DC em série

  1. Já tem um tempo que penso que assim como a comunidade surda desenvolve uma cultura que lhe é peculiar e particular, tanto a comunidade LGBT quanto a comunidade transgênero acaba realizando o mesmo. É algo sobre o qual eu realmente gostaria de conversar mais. É interessante ver o desenvolvimento disso e de suas particularidades.

    E poxa, que coisa incrível ter esta representatividade a nível mundial. Especialmente quando vem de forma tão íntegra, tão efetiva, como se tem tido. Culturalmente há um impacto, é positivo. Claro que muitas pessoas motivadas por ódio e coisas semelhantes usam esta exposição para construir um foco de resistência, e muitas vezes saem usando falsas informações, casos isolados, pseudo-ciência, religião para tentar justificar preconceito. Por isso é tão importante este posicionamento!

    Muita sorte para este cara! ❤

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.