Ir para conteúdo

Nany People se emociona ao recordar de último encontro com Rogéria em hospital

Por Neto Lucon
Foto: Rodrigo Cury

Nany People comentou ao NLUCON sobre a amizade, parceria e admiração que sente por Rogéria (1943-2017), ícone das artistas trans que morreu em 04 de setembro de 2017 vítima de infecção generalizada. Segundo a atriz, Rogéria chegou a recebê-la no hospital Unimed-Rio, na Barra da Tijuca, onde ela estava internada.

+ Nany comenta destaque em novela e bastidores da Globo

“Senti muito quando ela faleceu. Os últimos dois shows dela foram comigo em Itajaí e Florianópolis. Éramos amigas. Quando ela ficou doente, peguei um avião e fui no hospital. Passei uma tarde com ela e ela disse: ‘Eu sempre soube que você era minha amiga e que gostava de mim, mas não sabia que gostava tanto’. Até engasgo quando penso nisso”, se emociona.

Nany afirma que ia de Poços de Caldas a Ribeirão Preto para assistir Rogéria no teatro e que ela a inspirou a seguir carreira artística. É por isso que é difícil falar sobre a amiga e a sensação de ter acompanhado os últimos momentos. “É uma situação que não tem o que fazer. Você está perdendo uma pessoa que foi referência em sua vida, que você se inspirou, aprendeu, amou, riu junto e está sendo levada de uma maneira tão rápida. E aí remete a uma situação muito complicada, que foi a perda da minha mãe”.  

A artista, que assim como Rogéria acaba de estrelar uma novela da Globo, afirma que se sente muito grata pela oportunidade de trabalhar com a divina diva em shows pelo país. “Contracenei com a mulher que me ajudou a dar um rumo na minha vida. Acho que se não fosse o teatro eu teria me perdido de mim mesma. Então isso é gratidão. Não é ser blasé, é celebrar a vida e dar Graças a Deus por isso. É ter noção de saborear o pedaço que a vida está te dando”.

Nany no último encontro com Rogéria (foto: @haddadoficial)

Ao comentar se é a nova “Artista Trans da Família Brasileira” – haja vista que Rogéria dizia ser “A Travesti da Família Brasileira” – Nany desconversa. “Não sei. A Rogéria falava isso porque o Rio de Janeiro gosta de títulos, né? Por causa da corte. A Isabelita: a drag mais querida e amada do Brasil. O Comédia em Pé: o primeiro grupo de stand up do Brasil. O Rio tem essa necessidade de colocar títulos. Mas quanto a isso cabe o povo saber. Eu só me sinto honrada de Rogéria ter sido um pilar muito grande na minha vida”.

Nany e Rogéria tiveram um quadro juntas no programa “A Praça é Nossa”, do SBT, em 2009. No humorístico, elas interpretavam duas amigas que viviam se alfinetando.

Nesta segunda parte da entrevista, Nany People ainda fala sobre as buscas das pessoas com o seu nome no Google e a fama de pegadora. Confira:

Categorias

Pop e Art, Pride

Tags

Um comentário em “Nany People se emociona ao recordar de último encontro com Rogéria em hospital Deixe um comentário

  1. As unhas vermelhas das duas. Marca registrada de mulheres fortes, altivas e totalmente combativas. AMO!
    À Rogéria, fica a gratidão e o descanso em paz e à Nani, mais e mais sucesso, brilho e plenitude como artista e como mulher linda q é.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: